Frango Xadrez do Eduardo

frango_xadrez_by_macan.jpgMais uma receita vinda da blogosfera, desta vez é o frango xadrez do Eduardo Maçan. Ele também é o autor da arte que ilustra a receita. E faz algumas observações sobre as receitas que ele vê por aí, com as quais eu concordo em parte. Vamos lá:

Mas o negócio é o seguinte: Antes de eu comecar a pegar o jeito na cozinha eu ficava correndo atrás das receitas pra seguir e cheguei à conclusão que elas estão todas erradas. Vai na onda de quantidades dos ingredientes que nada dá certo! É muito mais importante o modo de preparar e sua experiência do que medidas. Eu aconselho aproveitar todas as oportunidades que você tiver de observar pessoas experientes cozinhando e pedir que elas te ajudem ou ensinem.

Ainda lembro claramente o dia em que minha mãe me disse quando eu era pequeno: “Filho, um dia você vai morar sozinho e você vai precisar saber se virar, vem aqui que a mamãe vai te ensinar a cozinhar e passar sua roupa“. Eu , como todo bom filho responsável, atencioso e preocupado com o futuro respondi: “_Agora não mamãe, tou jogando videogame!”.

Dá pra imaginar porque me lembro desse dia claramente…

Mas voltando ao assunto – meu frango xadrez:
Você vai precisar do seguinte:

1. 3 pimentões, um de cada cor (verde, vermelho e amarelo, se você não sabe. Não… só tem essas cores mesmo)
2. Uma cebola (média)
3. 3 dentes de alho
4. Shoyu
5. Óleo de soja
6. sal e pimenta do reino (eu gosto de substituir por pimenta calabresa, influência direta da minha mãe. Agora eu paro de jogar video-game e dou ouvidos a ela)
7. Umas 2 rodelas de abacaxi
8. Peito de Frango desossado
9. Fécula de batata (ou maizena… sopa maggi de galinha também deve ficar “da hora”)

Você vai fazer o seguinte:

Corte o peito de frango em cubinhos pequenos. Quanto vai depender de quanto você vai fazer… uns 500g de peito de frango devem dar pra umas 4 pessoas) tempere o peito de frango picado com o shoyu (umas 3 colheres de sopa), sal e pimenta. O tamanho do pimentão também é importante, 3 pimentões grandes é pimentão pacacete, devem dar pra uns 600g de frango picado, ou mais) Amasse os dentes de alho com sal.

Corte os pimentões, a cebola e o abacaxi em cubos (não sei com certeza, mas meu palpite é que chama frango xadrez justamente por causa dos quadradinhos coloridos todos)

Pegue mais ou menos uma colher de fécula de batata e dissolva em um pouco de água.

Doure o alho em aproximadamente 3 colheres de óleo de soja (o suficiente pra não grudar a porcaria do frango no fundo da #$#@$@ da panela), e jogue o frango picado por cima, doure o frango e quando já estiver douradinho jogue os outros ingredientes todos, mexa de vez em quando, sempre em fogo baixo. Deixe os ingredientes cozinharem um pouco e soltarem seu suco, aí coloque a fécula de batata com água para engrossar um pouco o caldo.

Mexa sempre e vá usando seu olhômetro bem aferido para determinar se você está na direcão certa, você pode aproveitar para colocar mais água e shoyu se estiver ficando muito grosso, ou mais um pouquinho de fécula de batata se estiver muito ralo… tape a panela e volte de vez em quando pra mexer. É nessa hora que você descobre que 3 pimentões e uma cebola é coisa pacas.
Tape parcialmente a panela e deixe cozinhar em fogo baixo, mexendo de vez em quando até o cheiro do pimentão invadir a vizinhanca. Depois é só servir e comer feito um suíno desnutrido.

Você pode complementar com amendoim torrado sem casca antes de servir, ou ainda acrescentar moyashi (broto de feijão) na receita. Conselho: Shoyu é salgado pacas, então cuidado pra não exagerar no sal ao temperar o frango.

Receita testada e aprovada nos laboratório da macan exotic land & sea foods incorporated.

(PostRating: 0 hits today, 0 yesterday, 53 total, 2 max)

5 Responses to “Frango Xadrez do Eduardo”

  1. mario

    muito bom o modo como narra a receita, gosto de inventar umas coisas na cozinha, e foi otimo rir com sua receita. Vou tentar fazer essa #&**&#, que vc receitou, se ficar bom respondo . abraço

  2. Eduardo Maçan

    Heheheh, Ei! Que legal que você gostou. Espero que dê certo tanto quanto deu pra mim… esse final de semana fiz yakissoba, mas ainda não postei a receita, ehehhee 🙂

    Abraço!

  3. ruben granella

    adorei sua maneira infromal de narrar sua receita. acompanhei seu processo e devo dizer que ficou uma delicia. nãoi houve quem não elogiasse.
    obrigado
    ruben

  4. gilvan ribeiro

    Meu amigo, vc diz que só tem pimentões verde, vermelho e amarelo, pois vc se engana. Aqui no Hiper tem pimentões roxo são apenas um pouco menor. Gosto muito dos pimentões vermelho e amarelo, já o verde deixe um gosto assim meio esquisito. Me parece que sua receita é bem gostosa. Um abraço, Gilvan

  5. gilvan ribeiro

    Completando a minha narração, segundo o site da wikepedia: “As variedades mais conhecidas são o verde, o amarelo e o vermelho. Porém existem outras variedades bastante exóticas, como o branco, roxo, azulado, preto e laranja. Devido a beleza de seus frutos, há quem os cultive como plantas ornamentais.” Mais uma vez um abraço para o amigo. Gilvan

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *